Esta senhora não aprendeu nada

Em entrevista ao DN, a ministra da educação confirma a já conhecida insensibilidade para a realidade, um desconhecimento profundo das relações que se vivem na escola, chegando mesmo a mostrar que não conhece o significado da palavra avaliação.

(…)

Mais lento porque os sindicatos dos professores não aceitam essas medidas?
Sim. Na realidade, não aceitam a avaliação. Escudam-se por detrás dos argumentos de modelos deste ou daquele tipo de avaliação, mas o que acontece é mesmo a rejeição da avaliação.

(…)

Esta senhora não distingue o que é avaliação do que são outras coisas que podem ter lugar dentro da avaliação.

Citando um professor que foi marcante no meu percurso: «Avaliar é olhar ao espelho. Quando acordamos e vimos se estamos bonitos ou feios estamos a avaliar.»

A avaliação está no domínio da afectividade, da emoção, da compreensão, do apreço. Basta consultar um dicionário, se não quiser ir mais longe!

Já classificar, categorizar, seleccionar, certificar, entre outros, são processos que podem ter lugar dentro da avaliação e que se servem dela. Mas são coisas diferentes. Todos são necessários, mas no lugar certo e sem se confundirem. A escola não é uma fábrica de parafusos. As relações contam. A conflitualidade e a competitividade doentia não podem lá ter lugar. Mas os professores devem ser distinguidos, não devem ter progressões automáticas, concordo! Mas não misturem tudo. Já que falamos de escola, ao menos aprendam alguma coisa!

Uma pessoa que não compreende isto não pode ser ministro(a) da educação.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: