Coisas sem importância

Esta notícia da TSF é importante. O que não tem importância é o erro na palavra “administração”. Neste blog não deve ser difícil encontrar erros do género, o que não me retira a capacidade de reparar noutros [erros].

Decidi ser picuinhas e pensar: porque razão se escreve a mesma palavra cinco vezes, duas delas de uma forma e três de outra?

Se fosse apenas uma, não lhe daria tanta importância. É que me estou a lembrar de uma palavra onde me acontece frequentemente o mesmo. Gaps de formação? Idiossincrasias do ser?

qimonda_admin

A propósito, tenho lido em alguns jornais “Quimonda” em vez de “Qimonda”.

Anúncios

5 Responses to Coisas sem importância

  1. Sónia Duarte diz:

    “Idiossincrasias” da língua… isso sim! Grafia e escrita não correspondem e a tendência é escrever à semelhança da fala. Mais informação em:
    http://ciberduvidas.sapo.pt/pergunta.php?id=13370
    A correspondência entre o escrever e o falar ou mais concretamente a falta dela, bem como outras irregularidades linguísticas contrárias à nossa natureza (“eu fiz”, por “eu fazi”, etc.) são um tema fascinante para os “aficionados”…, mas, desta vez, poupo-te!

  2. João Sá diz:

    Podem ser as duas (da língua e do ser)? ❓

  3. Sónia Duarte diz:

    Tens razão..é mais isso!

  4. A Rodrigues diz:

    Como eu amo os correctores ortográficos!

    O que me impressiona não são os erros, que frequentemente são apenas erros de digitação (no teclado).
    O que me preocupa é que me parece que deixou de haver revisão de textos, nomeadamente nos textos publicados on-line.

    A informação social tornou-se num negócio e quem publicar mais rápido sai em vantagem.
    As noticias on-line são uma forma muito confortável de nos mantermos actualizados, mas são tão incompletas, tão imprecisas e com tão pouca qualidade, que acabam por se transformar em desinformação.

    Nas publicações em papel as coisas melhoram um pouco, mas a falta de revisão de textos é evidente.

  5. João Sá diz:

    Tens toda a razão. Mesmo a propósito da minha resposta anterior, isto é mais um exemplo de desumanização. Mesmo sendo um ser humano a escrever, desvaloriza-se o processo de revisão e validação por outros. Sempre que é possível automatiza-se, ou passa-se à frente… A vida vive-se cada vez mais depressa e com menos qualidade. Este é apenas mais um exemplo.
    É por isso que digo que não podemos aceitar tudo o que a sociedade nos quer impor, muito menos a obsessão da eficiência… 😉

    Claro que no meu blog não há revisão, tirando um ou outro comentário posterior de alguma alma generosa. Mas essa é a natureza dos blogs… Num jornal quero ler um texto que obedeça a determinados padrões (seja online ou offline), tal como num livro.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: